terça-feira, 29 de março de 2011

QUEM É JAIR BOLSONARO

Ontem (28), foi a polêmica tomou conta do CQC ao apresentar quadro O Povo Quer Saber, com o deputado Jair Bolsonaro. O deputado mostrou-se, em sua fala, homofóbico e racista – principalmente após responder uma pergunta da cantora Preta Gil, que depois do programa declarou que vai processá-lo. Mas antes de tudo isso acontecer, quase ninguém sabia quem era ele.

Jair Bolsonaro


Bolsonaro, 56, filiado do Partido Progressista, é um amante extremo da vida militar. Cursou a Escola Preparatória de Cadetes do Exército, Academia Militar das Agulhas Negras e integrou a Brigada de Infantaria Pára-quedista. Estava entre os militares durante a ditadura militar, daí, talvez, seja o fato dele achar que o governo militar é a melhor opção para o Brasil. Parece brincadeira, mas Jair Bolsanaro, mesmo sendo um nacionalista de extremo conservadorismo, já está no seu sétimo mandato, incluindo esta última eleição.

Listo abaixo algumas das ideias que o deputado declara abertamente á público ser a favor, e fica a critério de você julgar se elas são sãs ou não:

- É a favor de torturas em caso de tráficos de droga e seqüestros
- Execução sumária em caso de crime premeditado
- É contra as cotas raciais
- É a favor de surras em crianças que tenham tendências homossexuais
- Não reconhece as uniões e eventos GLBT

Pode-se notar que o deputado Jair Bolsanaro vai contra todos os ideais que uma sociedade democrática visa conquistar com plena segurança. Ele acredita que o povo brasileiro deve ser guiado com régias curtas e rígidas, seguradas, é claro, pelos militares. Oprimir a liberdade, em todos os seus segmentos, e gerar um país com força militar para impor-se às outras nações. O deputado diz que isso nos daria “respeito”, seja lá o que isso significar para ele.

O governo militar é apoiado pelo deputado


RESPOSTA Á PRETA GIL
No quadro do CQC, a cantora Preta Gil havia perguntado o que Jair faria se seu filho namorasse uma garota negra. Como resposta ele disse: 
Não vou discutir promiscuidade com quem quer que seja. Não corro esse risco porque os meus filhos foram muito bem educados e não viveram em ambientes como lamentavelmente é o teu. 

Preta, revoltada com a resposta, declarou que irá abrir um processo contra ele, não só pela resposta preconceituosa, mas também pela comunidade GLBT, já que em outras respostas ele se demonstrou contrário á eles.


Em nota oficial em seu site Jair Bolsanaro diz que tudo não passou de mal entendido:

O próprio apresentador, Marcelo Tas, ao comentar a entrevista, manifestou-se no sentido de que eu não deveria ter entendido a pergunta, o que realmente aconteceu.

No entanto, faltou o deputado dizer O QUE FOI QUE ELE HAVIA ENTENDIDO!

Diante de tantos fatos e polêmicos e incrédulos, alguns que até omiti aqui – diga-se de passagem, vários insultos ao povo indígena brasileiro – resta-nos apenas apoiar o processo aberto contra o deputado Jair Bolsonaro e nas próximas eleições fazer o mesmo dever de casa, mas da maneira certa: votar conscientemente.

domingo, 27 de março de 2011

ARROGÂNCIA DE CLAUDIA RAIA E MARIANA XIMENES ROUBA CENA EM MELHORES DO ANO

Pensei ter sido o único a sentir um tom de desprezo pela atriz Nathália Dill, nos melhores do ano, enquanto ela esperava pelo anúncio da vencedora do prêmio de melhor atriz de 2010, mas parece que não.



Concorrendo com Claudia Raia (Ti Ti Ti) e Mariana Ximenes (Passione), muita gente pensava que ela não teria chances, até mesmo porque a novela da qual participou (Escrito nas Estrelas) entrou no ar em março de 2010. Ou seja, há muito tempo. Pouca gente se lembrava dela.

Mas ela estava ali, concorrendo. No entanto, enquanto aguardava o anúncio Claudia Raia e Mariana Ximenes estavam trocavam tantas carícias que Nathália simplesmente ficou excluída, no canto da tela. Uma imagem que destoava com tudo o que todos os artistas diziam enquanto passavam por aqueles minutos pré-premiação; a história de “um quer bem o outro aqui, não importa quem vença” e principalmente a troca de elogios mútuos entre os concorrentes, não aconteceram ali – ainda que Nathália tenha elogiado as duas atrizes ao seu lado.

No final, Claudia Raia venceu o prêmio – diga-se de passagem, muito merecido – mas faltou-lhe, novamente, a boa e velha humildade. Dedicar o prêmio á Mariana, sem sequer citar ou elogiar Nathália, foi de uma deselegância tremenda.

O público julga pelo o que vê. Não sabemos como é nos bastidores, se Nathália é uma pessoa chata ou arrogante. O resultado foi uma onda de comentários no Twitter que rendeu a 6ª colocação nos TT’s. Talvez elas tenham que aprender com Irene Ravache, que num show de humildade levou ao palco suas concorrentes Vera Holtz e Gabrila Duarte.

NOVO PROJETO
Nathália Dill volta ao ar na próxima novela das 18h, Cordel Encantado, que estréia dia 11 de abril. Ela dará vida á Dora, uma advogada recém formada que passará a se vestir de cangaceiro para lutar pelas causas do grupo.

quinta-feira, 24 de março de 2011

STAND UP DE RAFINHA BASTOS SERÁ TRANSMITIDO AO VIVO NO YOU TUBE

Hoje às 22h, no YouTube, será exibido em tempo real o Stand Up de Rafinha Bastos, A Arte do Insulto. O vídeo promocional do show, você confere abaixo.

video

O integrante do CQC aborda temáticas como: preconceito, paciência, amor e muitos outros temas de forma irreverente beirando o humor negro e sarcástico. No site, ainda pode-se comprar o DVD do espetáculo por meio de um link que o levará ao site da loja Fnac.

Cada vez mais experiências como esta estão ocorrendo na Web. Mais recentemente foi transmitido em Live Stream, também pelo YouTube, o Carnaval da Bahia. Considerado o segundo site mais acessado para efetuar buscas, o YT têm aumentado cada vez mais sua popularidade com transmissões desse gênero.

O teatro está invadindo os lares pela Web. Acho isso espetacular, mas nada tira a sensação de estar ali, face to face, como ator. O site Cennarium, oferece a mesma espécie de serviço, no entanto, ele cobra por isso. No caso, você paga para assistir á uma peça de teatro, quantas vezes quiser no prazo de 24h.

É difícil alguém ficar muito tempo diante da tela, mas não custa nada conferir como vai ser essa transmissão.


segunda-feira, 21 de março de 2011

MORDE E ASSOPRA ESTREIA COM MÉDIA DE 30 PONTOS DE IBOPE

A nova novela das 7, da Rede Globo, estreou bem. Com a média de 30 pontos de audiência, e picos de 37, Morde e Assopra teve um início diferente do previsto até três semanada atrás, quando ocorreu a tragédia no Japão.
A trama une a tecnologia do Japão e a história pre-histórica de dinossauros
 
A história de Walcyr Carrasco começava no Japão e conhecidentemente ocorria um terremoto. Como isso impulsiona a vinda da personagem de Adriana Esteves para o Brasil, não havia possibilidades para que houvesse uma alteração. A solução encontrada, então, foi uma série de imagens do povo japonês acompanhadas de uma curta narração, na voz do ator Matheus Solano, que explica que as gravações no Japão ocorreram no final de 2010 e que a novela Morde e Assopra era dedicada ao povo oriental.

A tal cena do terremoto, que despertou certo agito na mídia (inclusive, rendeu uma matéria no último Fantástico, do dia 20) foi muito bem feita, embora ela lembre muito as tomadas do filme 127 Horas.

O elenco, muito parecido com o de Chocolate com Pimenta, também de Walcyr Carrasco, é de ótima qualidade e terá a missão, juntamente com o autor, de seguir o mesmo sucesso da novela Ti Ti Ti. A preocupação da Rede Globo era tanta que até um comercial com os personagens Jack Leclair e Ariclenes apresentando Morde e Assopra foi ao ar. Enfim, agora é esperar para ver.

Destaque para a direção de Rogério Gomes e a atuação de Adriana Esteves e a pequena Klara Castanho. Já a abertura não foi lá aquelas coisas. E se o momento de comparar com a antecedente é esse, então devo dizer que a abertura de Ti Ti Ti, com a música da Rita Lee, foi bem melhor.





sábado, 19 de março de 2011

SOB FORTE CHUVA SHAKIRA ESQUENTA O MORUMBI EM FESTIVAL

Chovia forte quando a cantora colombiana Shakira entrou em cena no Pop Music Festival. A atração mais esperada do evento não deu trela para a chuva e se pôs a cantar e dançar na passarela montada no meio da plateia


Shakira conquistou mais ainda os fãs com um discurso sincero, porém exatamente igual o feito em Porto Alegre. Ela deu um verdadeiro show de beleza, dança e canto. Com uma voz incrível, a colombiana é uma das poucas cantoras que cantam uma música da mesma forma como a ouvimos no CD.




Canções como She Wolf, Loca, Hips Don’t Lie e Whenever Wherever animaram o estádio do Morumbi que lotou pouco antes de sua apresentação. O final esperado foi com Waka Waka, a música cantada na abertura da Copa do Mundo, em 2010 na África do Sul.



O Pop Music Festival contou com outros artistas:

CHIMARRUTS
Com meia hora de antecedência a banda de Reagae deu início ao festival.  Músicas conhecidas como Versos Simples e Do Lado de Cá foram cantadas em coro pela, ainda, pequena platéia. Uma surpresa foi o clássico americano My Girl na voz da vocalista da banda Tati Portela. Além de animar o púbico, a cantora mostrou que tem uma excelente voz. Meu Erro, dos Paralamas, também foi cantada.




TRAIN
Com o som de um trem a banda norte-americana entrou. O vocalista Pat Monahan, mostrou-se muito simpático e apresentou bem seu trabalho, que pelo o que parece não é muito conhecido no Brasil; com exceção, é claro, de Hey, Soul Sister.



ZIGGY MARLEY
O filho do grande Bob Marley trouxe toda a raiz do Reagge com suas composições. Black Cats e Love Is My Religion foram duas das que foram cantadas. Além delas, Ziggy cantou a música de seu pai Is This Love.


FAT BOY SLIM
Seguindo o estouro de Shakira, Fat Boy Slim entrou saudando o publico brasileiro com uma mistura de samba e a música I Got a Feeling, dos Black Eye Peas. Depois disso, com boa parte do público indo embora, o Morumbi virou uma grande balada com direito a efeitos luminosos nas arquibancadas e som de primeira.







quinta-feira, 17 de março de 2011

POP MUSIC FESTIVAL

Neste sábado, 19, no estádio do Morumbi vai acontecer o Pop Music Festival. A grande atração da noite, a cantora colombiana Shakira, é uma das cinco atrações que vai subir ao palco.



O NEUROSIDADE vai acompanhar tudo. Veja a ordem prevista das apresentações:

17h00 - 17h30 - Chimarruts
17h50 - 18h30 - Train
19h00 - 20h00 - Ziggy Marley
20h30 - 22h00 - Shakira
22h30 - 23h30 - Fatboy Slim

Ainda há ingressos a venda para todos os setores. As entradas custam entre R$ 40 (arquibancada laranja/ meia) a R$ 500 (pista premium/ inteira) e podem ser adquiridas por meio do SITE, pelo telefone 4003-1527 ou nos pontos de vendas autorizados (em São Paulo, nos Shoppings Frei Caneca e Anália Franco e no Bar Brahma/ Centro; em Santo André, no Posto Ipiranga da Av. Portuga, 1756).

 

SHOW CANCELADO
Na noite de sexta, 18, a cantora Shakira cancelou o seu show em Brasília devido á forte chuva que, segundo a organização, prejudicou a estrutura do palco. Os fãs ficaram bastante decepcionados, mas pelo menos vão receber o dinheiro de volta. Vamos torcer para o mesmo não ocorrer no Pop Music Festival.

segunda-feira, 14 de março de 2011

DEPOIS DE 35 ANOS, ARGENTINA GANHA CARNAVAL, BEM DIFERENTE DO NOSSO

Depois da ditadura o Carnaval havia sido abolido na Argentina. 35 anos após o fim do ditatorialismo o país reinstitui o Carnaval Federal da Alegria.


A comemoração já foi (ocorreu do dia 5 a 8 de março), mas como quase ninguém  sabe como se festeja o Carnaval por lá, segue um vídeo abaixo que exemplifica um pouco. Antes de tudo, a festa, presente em 35 bairros na capital Buenos Aires, começa às 19h e conta com diversas bandas fantasiadas que desfilam pelas avenidas e ruas, onde são organizado pequenas arquibancas. A música vai, acredite se quiser, de Mãmãe Eu Quero á tangos. O vídeo abaixo é da maior banda; chama-se Los Chiflados de Boedo e leva 240 integrantes para a avenida.


video


E, aí? Se animou? Quem sabe no próximo Carnaval você não vá pular junto com os hermanos.


Agradecimento á Paula Buzzi

sábado, 12 de março de 2011

O QUE RESTOU DO CARNAVAL - FOTOS DESFILE DAS CAMPEÃS DE SÃO PAULO

O Carnaval já acabou. Só restou as ultimas comemorações das agremiações vencedoras do carnaval paulista. O NEUROSIDADE foi ao desfile das campeãs que ocorreu de sexta (11) para sábado (12). Abaixo você confere as fotos das celebridades e das escolas de samba que fizeram do Carnaval de São Paulo o maior Ibope televisivo desse ano:


Camisa Verde e Branco subiu para o grupo especial

Abre-alas da Gaviões da Fiel trazia a história do nascimento de Dubai

Sabrina Sato na frente da bateria da Gaviões


Teatro de Manaus no primeiro carro da Vila Maria

Acadêmicos do Tucuruvi levantou as arquibancadas cantando o Nordeste em São Paulo  

Carros com efeitos da Mancha Verde marcaram seu desfile

Viviane Araújo

O dia nascia e a campeã Vai-Vai entrava na avenida cantando "A Música Venceu"

O homenageado João Carlos Martins ergue a taça 


Abre-alas do Vai-Vai foi a maior alegoria do Carnaval, 72 metros

Cantora Maria Rita, rainha de bateria do Vai-Vai


Ana Hickmann veio em cima do último carro apenas com parte da fantasia usada no desfile oficial, por conta da perna machucada, após tombo na Sapucaí

Vai-Vai passou, mas o público não ia embora enquanto o som não fosse cortado




É... Acabou. Carnaval, agora, só em 2012.

 




quinta-feira, 10 de março de 2011

OS MICOS DO CARNAVAL

O Carnaval já se foi e o que restou além das serpentinas e confetes no chão são os comentários dos micos que vimos na transmissão da maior festa popular do Brasil. Então vamos á eles?

Talvez o maior mico de todos tenha sido o tombo de Ana Hickmann

GLOBO
A transmissão dos desfiles de São Paulo e Rio de Janeiro foi muito boa. A emissora cortou os comerciais que entravam no começo dos desfiles e deu ênfase aos carros e á bateria. O problema veio com a tecnologia. Chico Pinheiro se confundiu diversas vezes com um tela touch screen em que ele lia mensagens, via a nota do espectador, revia cenas dos desfiles e abria link com outros repórteres. No Rio, Chico Pinheiro não sofreu com as tecnologias, mas parecia querer tomar o lugar de Ana Paula Araújo. Ele a interrompia, narrava o que via em cima dos comentários dela... Um chato!

Glenda Kozlowski e Luis Roberto pareciam se desentender durante a narração dos desfiles. Um atropelava o outro, acrescentava uma informação enquanto um falava e davam pequenas alfinetadas. Uma delas foi durante o desfile da Mangueira. Os dois comentaram que no samba, sobre Nelson Cavaquinho, havia um trecho que citava a sua composição “Folhas Secas” e Glenda cantou bem baixinho. Logo Luis Roberto interveio “Luizito vai te convidar hein, pra fazer parte do três tenores” (Se referindo ao trio, comandado por Luizito, que puxa o samba da agremiação)



Outro erro absurdo da Rede Globo foram os comentaristas que chamaram para participar. Negra Li comentando alegoria e fantasia foi o cúmulo da falta de opções.

Valesca Popozuda disse que sua fantasia (uma pintura corporal) simbolizava uma banana que iria seduzir o King Kong
Vale lembrar que esse ano os desfiles das escolas de samba de São Paulo deram mais ibope que os desfiles do Rio de Janeiro.

 
BAND
A Band Folia foi muito bem produzida. Esperava-se pouco da transmissão, mas foi sincronizada e conseguiu mostrar bem o carnaval de Salvador. Os únicos problemas que enfrenta é a inserção de muitos comerciais e links muito longos para outras cidades. Mostrava-se o agito de Ivete Sangalo e de repente cortava para a Praça do Marco Zero, em Recife, com o show de Alceu Valença. O carnaval no Brasil é muito diversificado. Uma emissora não pode tentar mostrar tudo ao mesmo tempo.


Edgar cobria Recife, no Marco Zero

Esse foi um dos problemas que a Band enfrentou no sábado. Depois de conseguir da Globo os direitos de imagem do desfile do grupo de acesso das escola de samba do Rio de Janeiro, a emissora fez uma transmissão terrível. Mostrava-se bem o abre-alas da escola, cortava para Salvador, Recife, e voltava para o desfile já ao seu final. A LESGA (órgão organizador dos desfiles do grupo de acesso) em nota disse estar muito insatisfeito com a transmissão e disse que os problemas serão discutidos em reunião.


Nesta sexta e sábado, a Band transmite o desfile das campeãs de São Paulo e Rio de Janeiro.


REDE TV!
A pequena emissora fez uma péssima cobertura do Baile Gay, na terça-feira gorda. Agora por orientação judicial, é proibido falar certas coisas, tocar e mostrar os seios dos participantes do baile. Todo mundo vê o programa para ver as baixarias, as bobagens... Mas enfim, para compensar isso a emissora colocou Alfinente, Serginho, Mirella Santos, Luciana Gimenez do Paraguai, Alexandre Frota e Bom-Bom espalhados por pontos da entrada do baile. A falta de comunicação entre eles era tanta que o primeiro travesti entrevistado pelos integrantes do Pânico na TV era entrevistado por Alexandre Frota e depois, já na entrada, com a Bom-Bom. Se ainda as perguntas fossem diferentes, mas não. Perguntava-se sempre o nome, se era operado e á quanto tempo ia ao baile. Não teve graça como tinha antes, com Monique Evans. Tirando as brincadeiras que Alfinete e Serginho faziam com jogos e pegadinhas, nada foi bom. A emissora tem que perceber que Nelson Rubens não é a pessoa certa para apresentar o programa e que o Alexandre Frota não tem jeito nenhum como repórter. Ele foi sem graça e não sabia nem que perguntas fazer.