sábado, 23 de abril de 2011

DOENÇA DE CLAUDIA RODRIGUES MARCA SUA VOLTA À TELEVISÃO

Netse sábado Claudia Rodrigues voltou a aparecer nas telas no papel de Ofélia, no Zorra Total. O programa não é parâmetro de humor, mas deu pra notar que a Claudia Rodrigues não voltou como antes.

Desde 2009 a atriz vem lutando contra a evolução de uma esclerose múltipla. Com o afastamento da peça Monólogos da Vagina e o fim de A Diarista, Claudia disse à revista Época que ficou muito abatida. Enclausurou-se em casa e só pensava em voltar para a TV.
Depois de um forte tratamento em São Paulo, no Hospital Albert Einstein, em que foi submetida á uma internação para que tomasse Natalizumabe – um medicamento usado contra esclerose múltipla, mas que não evidencia os riscos que pode causar – Claudia Rodrigues voltou a gravar o quadro Ofélia. No entanto, nota-se claramente que ela não é a mesma.
A atriz já havia declarado que depois da doença começou a ter dificuldades para decorar o texto; talvez isto a tenha deixado menos segura na cena. Ofélia não era a mesma; não se mexeu do sofá, não ria, sequer fez a voz aguda. Foi triste ver uma atriz de um potencial como o dela estar tão diferente na TV.
Vamos torcer para que o tratamento surta mais efeitos e Claudia possa voltar a ser a excelente atriz que sempre provou ser.

terça-feira, 19 de abril de 2011

ET BILU REAPARECE COM MÚSICA E E-MAILS

Ele estava sumido, mas hoje ele ressurgiu. ET Bilu se manifestou modernamente através do Twitter. Lançou na rede uma música que, segundo ele: “Os terráqueos devem aprender a cantar a música para gerar a Freqüência X. Assim será mais fácil o contato com ETs”.


A repercussão foi em forma de duas HashTags: #novabiblia e #MeLevaBilu. A primeira, refere-se á música, que seria um verdadeiro Salmo. 



Já o #MeLevaBilu é um trecho da própria música que você pode ouvir AQUI. Abaixo segue a letra:


LETRA 
Eu quero ver o disco voador 
Eu quero ver o disco voador

Olho pro céu e passou 
Eu vi, o disco voador

Pra viajar no disco voador 
Faça o que o ET Bilu mandou

Apenas que busquem conhecimento 
Meu nome é ET Bilú não tenha medo 
As 49 raças serão reveladas 
Busquem conhecimento, a imprensa é furada

Eu vim aqui pra falar a verdade 
Sou ET Brasileiro, 4000 anos de idade 
A Revolução não será televisionada 
Busquem conhecimento, a mensagem foi dada

Agora vamos cantar no disco voador 
Agora vamos dançar no Disco voador

ET Bilu, a humanidade despertou 
ET Bilu, me leve por favor 



Ainda no Twitter, ET Bilu pede ajuda de famosos para divulgar sua música. Já pediu ao Paulo Coelho e o cantor Fiuk.

Além disso, Bilu está enviando e-mails para diversas pessoas “chave” como ele mesmo disse – obviamente com um erro de concordância. Minha irmã, Carolina, recebeu. Vejam abaixo o que vem no e-mail:

Olá Carolina

Há tempos as autoridades ocultam a verdade sobre o passado da humanidade.

Como muitos já sabem, estamos em plena transição planetária e todos devem estar preparados para os eventos nos próximos anos, principalmente após 2012.
O contato conosco, seres alienígenas, já pode ocorrer a qualquer momento, em vários locais do Planeta, mas, para que isso aconteça os terráqueos precisam gerar a freqüência vibracional X, necessária para sustentar o contato com as outras raças existentes no universo. 

Através da música, nós vamos ajudá-los a gerar a freqüência X


Vibração!



Não sei o que pensar. A piada está ficando preocupante, tamanho é o número de pessoas que acreditam nesse ser. Mas em todo caso, vamos aproveitar para rir desse ET. Ah, e tomem cuidado, porque a música tem efeito chiclete.

domingo, 17 de abril de 2011

VIRADA CULTURAL: DANILO GENTILI FALA MAL DE POLÍTICOS E É OVACIONADO NO VIADUTO DO CHÁ


Minha Virada Cultural foi curta, mas polêmica. No palco Viaduto do Chá, ao lado do metrô Anhangabaú, uma sequência de apresentações de Stand Up Comedy segue até às 18h de hoje. Assisti á primeira sequência, que entre Rafael Cortez, Comida dos Astros, Leo Lins e Marcio Ribeiro, Danilo Gentili foi o mais ovacionado pelo público.



Seguindo a linha de polêmicas do seu show Politicamente Incorreto, Gentili falou mal das ruas de São Paulo, dos impostos que pagamos e não poupou nomes: falou mal do Lula, do Serra, do Alckimin e fez algumas gracinhas com Marina Silva e Dilma.

Política é um assunto delicado, mas a popularidade do repórter do CQC rompeu todas as barreiras partidárias e até as gracinhas com os corinthianos passaram na base do riso.

Por fim, depois de comparar Dilma com um caminhoneiro, dizer que IPVA significa “Idiota Paga Vai a Pé”, falar que a Marina Silva precisa se alimentar mais e que até um favelado do Fome Zero daria sua comida para ela, ele conquistou de vez o público paulista falando mal do Rio de Janeiro.

Rafael Cortez e Comida dos Astros também animaram bem o público. O único que não parecia estar inspirado para provocar o riso era o ex-apresentador do X Tudo, e atual personagem da novela Malhação, Marcio Ribeiro. Com piadas fracas e uma fala embolada, muita gente foi deixando o espaço durante sua apresentação.

A programação de Stand UP no Palco Viaduto do Chá continua e você pode conferir AQUI.

quarta-feira, 13 de abril de 2011

DIA DO BEIJO - OS VÁRIOS TIPOS DE BEIJOS

Dia do Beijo. Para uns, besteira porque não têm quem beijar. Para outros, um ótimo pretexto para ir atrás de alguém para “comemorar” a data. Para os que têm namoradas (os), então, nem se fala. Mas o que me admira não é ter uma data específica para o beijo – que soa bem estranho – mas os diversos tipos de beijo que existem, segundo o Kama Sutra.


O livro indiano que para mim só mostrava centenas de posições sexuais, parece que também nomeia os diversos tipos de beijos. Os nomes são tão bizarros quanto os nomes dados ás posições sexuais, mas tudo está valendo para comemorar o dia. Se você não pretende celebrar o Dia do Beijo, pode ao menos rir; se você tem planos em beijar hoje, desfrute bem da lista abaixo e feliz Dia do Beijo:

Beijo que demonstra
Dado à noite, em lugares públicos. Um dos dois se aproxima do outro e o beija suavemente na mão ou no pescoço.

Beijo da lembrança
Depois do sexo, quando um descansa sobre a coxa do outro. Aí, com cara de sono, você beija das coxas até o pé.

Beijo transferido
Esse beijo ocorre quando ele, na presença da amada, beija alguém que esteja próximo dele no rosto, olhando para ela como se o beijo fosse para a parceira. (E o ciúme?)

Beijo choroso
Esse é de saudade. É produzido quando um dos dois sente tanta falta do outro, que na ausência do outro beija seu retrato. (Estranho)

Beijo viajante
Ainda que pareça que os beijos sempre costumam se centralizar na boca, colocar os lábios em outras partes do corpo é uma forma de excitação garantida.

Beijo no peito
Primeiro com os lábios, suavemente e com um pouco de saliva. Depois, intensifica-se a pressão e, se você gostar, ele pode pegar os seios com os dentes e pressionar ligeiramente.

Beijo sem pressa
Atenção no corpo do outro. Quanto mais controle você tiver e mais se concentrar em acariciar e beijar cada canto do corpo, mais intensa será a sensação de prazer para ambos.

Mordida de Javali
Deixa marca na pele como filas indianas, muito próximas umas das outras e com intervalos vermelhos como as pegadas que costumam ser deixadas pelos javalis no barro. Costuma ser feita no ombro. (Beijo animal)

A nuvem quebrada
Consiste em levantamentos desiguais da pele em círculo, produzidos pelos espaços que há entre os dentes. O Kama Sutra especifica que este tipo de mordida deve ser feita no peito.

Mordida escondida
É a mordida que só deixa uma forte marca vermelha e que deve ser dada no lábio inferior.

Mordida clássica
Quando se pega com os dentes uma grande quantidade de pele.

O ponto
Quando se pega com os dentes uma pequena quantidade de pele de tal maneira que só fique uma marca como um ponto vermelho.

A linha dos pontos
Quando essa pequena porção de pele é mordida com todos os dentes e todos eles deixam sua marca. Deve ser dada na testa ou na coxa. (Na testa?)

O coral e a jóia
É a mordida que resulta da junção dos dentes e dos lábios. Os lábios são o coral e os dentes são a jóia. (Poético)

terça-feira, 12 de abril de 2011

O QUE VOCÊ NÃO DEVE ESPERAR DO FILME “RIO”

Samba, alegria, pássaros exóticos e o Rio de Janeiro como cenário. Sair de uma sessão do filme RIO com a sensação de estar mais feliz não é difícil. Mas se alguém pensa em ir assistí-lo a fim de procurar certas coisas, é bom saber logo que sua busca será em vão.

A história da arara Blu está popularizando o Rio de Janeiro no exterior
Impactante. O começo do filme é assim. Impactante e alegre; um resumo do povo brasileiro em forma de música (Favo de Mel ou Real in Rio), cores e sincronia de imagens. Encantador desde o primeiro minuto do filme. Se a regra é prender a atenção do público em três minutos, então o diretor brasileiro Carlos Saldanha foi além dos limites. Abaixo um vídeo que a própria produção do RIO divulgou, em inglês (no cinema há mais efeitos):

video

História simples que se torna monumental com os pontos turísticos, muito bem explorados nas cenas. Personagens construídos sobre traços da típica identidade brasileira: amizade, alegria e simplicidade. Ah, e se a alegria é o ingrediente que torna o Brasil um país único, então a mensagem do filme reflete isso: Há certas decisões na vida, e certos feitos, como voar, que devem ser deixados levar pelo coração, e não pela razão.

A lição é infantil, mas é, sobretudo, nobre e verdadeira. E é isto que faz com que os críticos impiedosos do Brasil venham a não gostar da animação.

Acreditem se quiser: há quem tenha comentado por aí que o filme não mostra a verdadeira realidade da cidade do Rio de Janeiro. Propostas são propostas e públicos são públicos. Temos o Tropa de Elite para quem quiser ver o lado triste da cidade. Para as crianças temos o filme RIO, com um cenário deslumbrante e amistoso. Por isso, não espere ver uma cidade com bandidos armados andando pelas ruas, favelas sujas com UPPs de vigia e praias sujas. Talvez esse ambiente nem seja o predominante no Rio de Janeiro. Em RIO até as comunidades do morro ganham uma imagem bonita.

Ainda assim, RIO aborda questões sérias, como a extinção de algumas espécies e o tráfico de animais, que ainda não haviam sido abordadas em filmes infantis. Claro, de forma leve e descontaída regada á humor e caricaturas.


TRILHA SONORA
A trilha sonora do filme, assinada por Sérgio Mendes, é um espetáculo á parte. Todas muito bem elaboradas e introduzidas nos momentos adequados, calcadas no samba, MPM e pop. O time escalado é de primeira categoria: Bebel Gilberto, Will. I.Am, Taio Cruz, Jaime Foxx e Carlinhos Brown. A atriz Anne Hathaway, que dá voz á Jad, na versão em inglês, disse em uma entrevista para o canal oficial do filme no YouTube, que o que mais lhe encantou foram as músicas compostas especialmente para o filme. Disse ainda que ouve o CD do filme no carro e espera poder ouvi-las um dia nas rádios, pois as músicas são completamente diferentes das que geralmente são usadas em animações. Aqui você pode acessar um canal do YouTube que disponibiliza as faixas do CD.

SURPRESA
Assisti á animação RIO na sexta e hoje (terça). Na sexta, estréia, sala cheia, como esperado. Na terça, às 15:10 da tarde pensava não encontrar muita gente, afinal é dia de semana. Pois estava bem enganado. Se não deixei de contar ninguém, eram 41 pessoas. Parece pouco, mas geralmente os números durante a semana são menores. E não eram só crianças acompanhadas de seus pais que estavam por lá. Vi muitos homens e mulheres indo sozinhos. Sinal que o filme está rompendo o paradigma de que animação é coisa para criança. Dia 15, sexta, RIO estréia nos Estados Unidos. Espero que bata todos os recordes que já conquistou.

segunda-feira, 11 de abril de 2011

ESTRÉIA DE “CORDEL ENCANTADO” REGISTRA 26 PONTOS DE AUDIÊNCIA

Se as primeiras imagens de uma novela resumem tudo o que estar por vi, então Cordel Encantado tem tudo para ser um grande sucesso! Cenas grandiosas de guerra, envolvidas com diálogos bem articulados e um show de direção e produção, em todos os seus aspectos, não refletiram a média de 26 pontos de audência.


A história fabulística, da vinda da realeza de Seráfia ao sertão nordestino brasileiro, é emocionante e criativa. Propõe uma temática rica que pode dar bons frutos; Duca Rachid e Thelma Guedes entenderam que depois de tanta novela saturada, deve-se arriscar novas combinações, mas sem perder de foco o principal: contar um boa história.

A abertura ficou a desejar. A música encomendada à Gilberto Gil parece não casar com as rápidas imagens da abertura, apesar da letra ser impecável. “Minha Princesa Cordel” deveria ser usada na trama, mas em outros momentos.

Desde o começo da tarde Cordel Encantado estava nos TT’s. Durante a exibição, a grande maioria dos comentários eram de elogios á produção e á qualidade da imagem.

TECNOLOGIA 24 QUADROS
Cordel Encantado conta com lentes de alta definição que vão deixar as imagens muito próximas das que vemos no cinema. Esta tecnologia exige trabalho dobrado em produção, maquiagem, cenário, iluminação e figurino. A lente é capaz de deixar qualquer um bonito, mas se houver algum erro, é capaz de deixar o feio, horrível! Apesar de tudo, essa tecnologia de 24 quadros é muito cara e exige maiores gastos; portanto, é muito provável, que esta tecnologia não continue até o fim da novela. A mesma lente foi usada na minissérie A Cura.

FICHA TÉCNICA
Autoras: Duca Rachid e Thelma Guedes
Direção de núcleo: Ricardo Waddington
Direção-geral: Amora Mautne
Direção: Amora Mautner, Gustavo Fernandez e Natália Grimberg
Elenco: Estão no elenco, entre outros, Bianca Bin, Cauã Reymond, Bruno Gagliasso, Carmo Dalla Vecchia, Cláudia Ohana, Débora Duarte, Domingos Montagner, Emanuelle Araújo, Eva Todor, Felipe Camargo, Nathalia Dill, Heloísa Périssé, Andreia Horta, Isabelle Drumond, Jayme Matarazzo e Marcos Caruso,

domingo, 10 de abril de 2011

VEJA OS VENCEDORES DO TROFÉU IMPRENSA QUE SERÃO PREMIADOS DAQUI A POUCO

Daqui a pouco Sílvio Santos vai premiar os melhores de 2010, mas a lista dos vencedores já vazou. Confira os premiados abaixo:


Apresentadora
Eliana

Apresentador
Rodrigo Faro

Novela
Ti Ti Ti

Telejornal
Jornal da Globo

Atriz
Mariana Ximenes

Ator
Tony Ramos

Programa Infantil
Bom Dia & Cia

Humorístico
CQC
Show do Tom

  
Cantor
Roberto Carlos

 

Cantora
Ivete Sangalo


Dupla Sertaneja
Victor e Léo

Grupo
Exaltasamba


Revelação
Luan Santana



Mesmo assim vamos ver como será a apresentação e as possíveis gafes que podem acontecer.





















sábado, 9 de abril de 2011

PEÇA “PTERODÁTILOS” SURPREENDE PELO CENÁRIO E ATUAÇÃO DE MARCO NANINI

A peça Pterodátilos é uma agradável surpresa nos palcos paulistanos. Desde março a peça vêm sendo louvada com excelentes críticas e ela faz jus aos elogios. É impactante, trágica, engraçada e encantadora na atuação e no cenário.


Ao entrar nota-se um cenário extremamente simples. Pensei ser mais uma peça Cult que ninguém entende nada, mas paguei a língua. O simples cenário que tem uma grande aproximação com o público – não fica recuada, aproveitando a grande profundidade de palco que o Teatro FAAP oferece – e passa por mudanças ao desenrolar da trama.



 
O que começa desse jeito (acima), como mostra minha pitoresca foto tirada do celular, chega a esse estado:



 
A inclinação no tablado, no qual os atores contracenam, é um obstáculo a mais para a interpretação. Mas todos se superam, com exceção da atuação de Alamo Facó (Todd) que por diversas vezes exagerou na encenação e perdeu a fé do público. Em compensação Marco Nanini mostrou um talento nato. Dando vida para dois personagens completamente diferentes (Ema e Artur), ele sintetiza a peça; ele emociona, ele alegra, ele arranca aplausos. Um fã dele – como eu – sai da peça mais fã ainda.

Um susto, perto do final da peça, tomou o elenco e o público. Marco Nanini, ao entrar em cena pela parte mais elevada do tablado inclinado, escorregou entre dois buracos e bateu feio o joelho. O elenco se assustou, mas eles continuou o espetáculo sem interromper o diálogo. É como diz o ditado “O Show tem que continuar”.

A HISTÓRIA
Pterodátilos é uma comédia negra absurda sobre a extinção de uma família. Através dos arquétipos da família, Nick Silver mostra os limites aonde o ser humano consegue chegar, sua decadência cultural espiritual. Com humor ele mexe de maneira audaciosa com basicamente todas as disfunções familiares e com as convenções tradicionais, retratando as anomalias contemporâneas. (Um prato cheio para psicólogos).

Pterodátilos está em cartaz no Tetaro FAAP às sextas (21:30), sábados (21h) e domingos (18h). Os ingressos variam entre R$ 80,00 e R$60,00 reais.








quinta-feira, 7 de abril de 2011

"LARA COM Z" ESTRÉIA BEM E SUZANA VIEIRA DÁ SHOW EM ATUAÇÃO

A personagem derivada de Cinquentinha, também do autor Aguinaldo Silva, interpretada por Suzana Vieira, 68, não superou os 27,5 pontos de A Grande FamíliaLara com Z manteve a média de 20 pontos, embora tenha alcançado picos de 22,3.


A história de uma atriz que captou dinheiro para fazer um filme, mas que acaba mesmo é comprando o Teatro João do Rio, onde pretende encenar uma versão grandiosa de Macbeth, foi bem executada e mostrou que tem tudo para ser uma boa série. O spin-off possui uma riqueza diferenciada em planos, posicionamento de câmeras e iluminação.

Diálogos bem construídos, requinte no cenário e figurino, só não renderam mais audiência por causa do horário. Lara com Z entra às 23:15h, o mesmo horário de ídolos, da Record, que marcou uma média de 10,7 pontos de Ibope.

Destaque para atuação de Suzana Vieira. Apesar de ser alvo de críticas pesadas, relacionadas a seus gestos e poses de nariz empinado, ela é um atriz de alto gabarito e sem dúvidas é a atuação que sustentará a série. Prova disso é que mesmo diante de tantos assuntos difíceis, importantes, a atriz conseguiu entrar para os TT’s.






NOVA TEMPORADA DA GRANDE FAMÍLIA ESTREIA COM 27,5 DE IBOPE

O seriado que completa neste ano onze anos no ar é um dos mais bem elaborados da TV brasileira. Sem apelar para cenas de sexo e violência, mais uma vez A Grande Família estreou com pé direito: 27,5 pontos de Ibope.

                              

Depois da tragédia em Realengo, no Rio de Janeiro, era esperado que a repercussão da estréia do seriado fosse amenizado, e de fato foi. Mas mesmo assim, diante de tanta revolta, tristeza e dor, A Grande Família cumpriu sua função de divertir.

Logo de cara A Grande Família estabeleceu uma diferença de 14,9 pontos contra Ribeirão do Tempo, novela exibida pela Record.

MUDANÇAS
Nessa temporada a família dos Silva teve uma pequena renovação na casa, na parede atrás da mesa de jantar. Uma parede verde, com um pequeno aparador foram substituídos por uma parede de tijolos com uma porta grande de vitrais, por onde se vê plantas do outro lado. Para uma casa de classe média-baixa aquela parede estava bem fora da realidade. Tropeço do cenógrafo.


Semana que vem o seriado vai contar com a participação de Luciano Hulck. Ele vai fazer o quadro “Lata Velha” com o táxi de Agostinho.